.

.

.

.

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Fechado acordo com Comissários de Despachos

As cláusulas econômicas 2016/17 já estão disponíveis para consulta online. A íntegra da CCT está disponível no Sindicato.

Clique

Voto jovem representa 27% do eleitorado e pode decidir pleito

Fonte: Ag. Brasil
O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informou que os jovens entre 15 e 29 anos representam 27% do eleitorado nacional, o que demonstra, para a Justiça Eleitoral, que o voto dessa camada da população deverá ser determinante nas eleições municipais de outubro.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Brasil tem cerca de 51 milhões de jovens de 15 a 29 anos, correspondendo a um quarto da população do país. Desses, mais de 75% (38.876.290) estão aptos a votar nas eleições deste ano, segundo dados do TSE. Os jovens entre 25 e 29 anos representam 10,83% do eleitorado; de 21 a 24 anos, 8,71% e de 16 a 20 anos, 7,45%.

Para o cientista político Leonardo Barreto, especialista em comportamento eleitoral, o voto dos jovens pode ser determinante nas eleições porque, por terem mais escolaridade que as gerações anteriores, acabam por influenciar o voto das pessoas do seu círculo social, como pais e avós. Segundo Barreto, pesquisas demonstram que a rede de amizades e familiares é o fator que mais influencia na escolha dos candidatos. “Mas o jovem costuma ter um voto crítico”, diz o especialista.

Voto facultativo

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Governo Federal prorroga pagamento do Abono Salarial de 2014

Fonte: CSB
O Governo Federal, por meio do Ministério do Trabalho, anunciou a prorrogação do saque do Abono Salarial – PIS/ PASEP, ano base 2014, para o dia 30 de dezembro desse ano.  Anteriormente com prazo final  em 31 de agosto, o benefício pode ser retirado nas agências do Banco do Brasil (PASEP) e Caixa Econômica Federal (PIS), mediante apresentação de um documento pessoal. O Ministério do Trabalho disponibilizou uma lista em seu portal, com os nomes dos trabalhadores que têm direito ao benefício.

Essa foi uma das maneiras encontradas pelo Ministério do Trabalho para informar o trabalhador, que muitas vezes acaba perdendo os prazos para recebimento de seus direitos.

Empregados com carteira assinada por pelo menos 30 dias no ano de 2014, que receberam até dois salários mínimos, e que estão inscrito no PIS/PASEP há, no mínimo, cinco anos têm direito ao benefício.


CSB e Centrais sindicais participam de almoço com ministro do Trabalho em Brasília



Fonte: CSB
A Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB) se reuniu com o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, nesta quarta-feira (14), em Brasília, em um almoço que teve a participação de dirigentes das seis maiores centrais sindicais do País. Durante o encontro, foram debatidos temas relacionados à reforma trabalhista e também a recriação do Conselho Nacional do Trabalho (CNT).

“Foi uma conversa bastante produtiva, na qual o ministro Ronaldo Nogueira se comprometeu a manter o bom nível de diálogo que vem sendo travado entre o Ministério do Trabalho e as entidades que representam os interesses dos trabalhadores”, disse o presidente da CSB, Antonio Neto, que participou do almoço.

Sobre a reforma trabalhista, Nogueira aproveitou para esclarecer pontos que foram mal interpretados na semana passada, quando, em reunião da Diretoria Executiva Nacional da CSB, o ministro falou sobre a jornada de trabalho.

Já em relação à recriação do CNT, ficou definido que o órgão servirá para um debate aprofundado de temas que interessam diretamente à classe trabalhadora, incluindo a própria reforma trabalhista.

O Conselho terá a participação de representantes do movimento sindical, do setor patronal e do governo, e funcionará como uma espécie de órgão consultivo do Ministério do Trabalho.

88% dos brasileiros rejeitam mudança nas regras do INSS

As mudanças nas regras da Previdência Social propostas pelo governo, são rejeitadas pela grande maioria dos trabalhadores de todas as faixas de renda, etárias e níveis de escolaridade de todas as Regiões do País, segundo pesquisa Vox do Brasil encomendada pela CUT.

A rejeição aos cortes nos programas sociais atingiu índices ainda maiores, especialmente na Região Nordeste, onde 90,5% dos pesquisados são contra. Os índices contrários aos cortes são maiores nas mais baixas faixas de renda e ­escolaridade.

A pesquisa mostrou, também, que os trabalhadores estão atentos e apoiam as medidas que podem estimular a geração de emprego, como o aumento da oferta de crédito para fortalecer o mercado consumidor, programas para estimular as empresas a manter os empregos e para ajudar as pequenas e médias empresas.

Saiba mais...

terça-feira, 13 de setembro de 2016

Campanha para atualizar vacinação de crianças e adolescentes começa dia 19

Fonte/Foto: Ag Brasil
A Campanha Nacional de Multivacinação começa na próxima segunda-feira (19) em todo o país. Devem comparecer aos postos de saúde crianças menores de 5 anos e ainda as crianças e adolescentes de 9 anos a menores de 15 anos, para atualizar a caderneta de vacinação.

O Dia D de mobilização nacional está marcado para 24 de setembro, um sábado. A campanha, entretanto, segue até 30 de setembro em cerca de 36 mil postos fixos de vacinação. Ao todo, 350 mil profissionais participam da ação.

De acordo com o Ministério da Saúde, foram enviadas a todas as unidades da Federação 26,8 milhões de doses - incluindo 7,6 milhões para a vacinação de rotina de setembro e 19,2 milhões de doses extras para a campanha.

Atualização da caderneta

Falta justificada não tem desconto

Fonte: Conselho Nacional de Justiça - CNJ

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

CSB promove campanha contra restrições a direitos trabalhistas e previdenciários


Em um momento no qual muito se fala sobre mudanças na legislação trabalhista, a Diretoria Executiva Nacional da CSB se reuniu na última semana em Brasília para debater os rumos do País. Entre os dias 8 e 10 de setembro, a reunião da Executiva Nacional foi palco de importantes discussões com a presença de juristas e especialistas renomados, como o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, o ministro do TST Maurício Godinho Delgado, o desembargador Mário Macedo Fernandes Caron e o procurador do Trabalho João Carlos Teixeira, entre outros.

Diante do cenário político e econômico do Brasil, em que forças retrógradas agem para pressionar o governo na defesa de uma pauta negativa para os trabalhadores, a Central dos Sindicatos Brasileiros aprovou, por meio da Executiva, uma resolução contra a retirada de direitos. Com a ação, a CSB conclama todos os sindicatos filiados e trabalhadores do País a empreenderem uma campanha contra a aprovação de medidas que possam restringir direitos trabalhistas e previdenciários.

“O corte de direitos não promove a geração de empregos. Ao contrário, ele causa dificuldades econômicas, queda de arrecadação do Estado, além da diminuição do mercado interno, da qualidade de vida dos trabalhadores e o aumento da miséria e da fome”, relata trecho do documento.
O texto também cita como exemplos de retrocessos o estabelecimento da idade mínima para a aposentadoria, a aprovação do acordado sobre o legislado e de quaisquer outras medidas que tenham o objetivo de prejudicar os trabalhadores.

Assinada CCT Assessoramento e Contabilidades

Fechado o acordo, a circular está disponível para consulta online. A íntegra da convenção vc encontra no Sindicato.

Clique...

Direitos da trabalhadora gestante

Fonte: Conselho Nacional de Justiça - CNJ

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...